Dr. Deoclécio Detros, Delegado chefe da 13ª DRP em Guaíra
ad

[dropcap color=”#dd3333″]C[/dropcap]onforme divulgado pelo Portal Guaíra e diversos órgãos de imprensa do município e região, e agora confirmado pelo Delegado Chefe da 13ª DRP, Dr. Deoclécio Detros, um servidor público, lotado na Guarda Municipal de Guaíra, está preso acusado de estupro de vulnerável.

Segundo entrevista [ouça áudio no final da matéria], Detros, responsável pelo caso, conta que a investigação foi realizada há cerca de 20 dias e concluído o inquérito policial que confirmou o ato, por isso da prisão preventiva do suposto autor do crime.

Apesar do acusado ter negado, as testemunhas foram contundentes.

Ele se encontra recolhido no SECAT local à disposição da Justiça.

O que diz o Município

O Município de Guaíra aguarda o final das investigações e o posterior julgamento para tomar as providências administrativas cabíveis (exoneração ou reinserção do servidor), procedimento que atende a legislação. Segundo a Constituição Brasileira de 1988 em seu artigo 5º, inciso LVII: ninguém será considerado culpado até o trânsito em julgado de sentença penal condenatória


Redação Portal Guaíra


CLINICA SALUTAR