(Fotos: Município de Guaíra/Divulgação)

Na madrugada de terça-feira (17), um computador foi furtado das dependências da Escola Municipal Técnica Profissionalizante, no bairro Jardim Zeballos.

A Escola Técnica, faz parte da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Emprego, e segundo o Vereador Licenciado e Secretário responsável, Adriano Richter, a equipe está tomando todas as providências necessárias para identificação do criminoso.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Vale destacar que o cidadão que pratica o crime de furto contra o bem público, incorre sobre a penalidade prevista no artigo 155 do Código Penal Brasileiro. A pena é reclusão, variando de um a quatro anos, e multa, podendo esta ser aumentada em um terço se o agente infrator pratica o ato criminoso durante o período noturno.

Na mesma lei, o artigo 180 fala sobre a receptação qualificada, ou seja, daquele que adquirir, receber, transportar, conduzir, ocultar, ter em depósito, desmontar, montar, remontar, vender, expor à venda, ou de qualquer forma utilizar, em proveito próprio ou alheio, no exercício de atividade comercial ou industrial, coisa que deve saber ser produto de crime, incorrerá sob a penalidade de reclusão, de três a oito anos, e multa. Quando o crime ocorre contra o patrimônio público, a penalidade é aplicada em dobro.

O Secretário Adriano ainda alerta a todos para que se atentem e informem qualquer divulgação da venda de um computador em um valor muito abaixo do avaliado/esperado. “É lamentável e revoltante que as pessoas não entendam o quão importante é a preservação do patrimônio público. Furto é crime. Estamos trabalhando para encontrar este criminoso”.

Para denunciar furto ou quaisquer atos de vandalismo contra o patrimônio público, basta entrar em contato com a Guarda Municipal no número (44) 3642 – 2800, ou Polícia Militar no 190.

Portal Guaíra com Assessoria