Como já é de conhecimento dos guairenses, principalmente aqueles que gostam, militam ou apenas acompanham os fatos referentes a política local, nesta sexta-feira (4) – hoje portanto – terão início as convenções partidárias.

De forma mais didática, as ‘Convenções Partidárias’, segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), são reuniões de filiados a um partido político para julgamento de assuntos de interesse do grupo ou para escolha de candidatos e formação de coligações (união de dois ou mais partidos a fim de disputarem eleições).

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Segundo o artigo 87 do Código Eleitoral, só podem concorrer às eleições os candidatos que estiverem filiados a um partido político. Uma vez que cada partido político possui inúmeros filiados, é necessário escolher entre eles, em CONVENÇÃO PARTIDÁRIA, os que serão candidatos a cargos eletivos.

Dito isso, hoje às 19h, na ACEG (Clube Japonês) teremos a Convenção dos partidos DEMOCRATAS, PATRIOTA e PODEMOS. E, como já é do conhecimento de muita gente, o atual prefeito Heraldo Trento, assim como o vereador Gileade Osti (Gili) devem ser aclamados como candidatos a prefeito e vice, respectivamente, pela situação.

Já pelo grupo de oposição, PSD e PTB realizam convenção neste domingo (6), às 13h, na rua Rui Barbosa, região central da cidade. Também já vem sendo divulgado pelas redes sociais os nomes do vereador Osvaldino da Silveira e Silvia Vanin, como postulantes ao cargo de prefeito e vice.

Como os nomes de Heraldo e Osvaldino já ganharam as redes sociais e praticamente estão “definidos” como adversários neste pleito, o foco agora se volta para outras duas convenções marcadas para o mesmo local, mesmo dia e praticamente mesmo horário. Estamos falando do PSC do empresário Jamil Abu Ali, e do PV do agricultor Simeão Lopes Neves.

Enquanto o convite para a convenção do PV está marcado para às 13h50, domingo (13), na Associação Esportiva e Recreativa Carga Pesada, o convite do PSC está agendado para às 14h, domingo (13), também no Carga Pesada. Ou seja, apenas 10 minutos de diferença.

Parece algo um tanto quanto óbvio que os dois partidos irão se unir e, então, definir quem será o candidato a prefeito e o vice. Mas não é bem assim.

Conversamos com Simeão e Jamil e, apesar dos dois tecerem elogios um para o outro, até o momento desta publicação, nenhum abria mão de ser o candidato a prefeito.

Conforme nos revelou Simeão, ele e Jamil têm o mesmo objetivo que é ser prefeito de Guaíra, porém, como Jamil teve uma expressiva votação para Deputado Estadual na última eleição (2018), ele estaria propenso a tentar novamente daqui há dois anos. Já Simeão que tem até um plano de governo pronto há anos, elaborado por ele mesmo, quer colocá-lo em prática e só conseguiria se fosse prefeito, por isso que não abre mão de sua candidatura, mas ficaria muito feliz em fazer a “dobradinha” com o Jamil.

Por outro lado, também ouvimos o empresário Jamil. Ele nos contou sobre algumas reuniões realizadas com Simeão no intuito de formarem uma aliança e que seria uma honra tê-lo como seu candidato a vice-prefeito. Mas expressou o desejo maior que é ser prefeito de Guaíra e que não estaria disposto a abrir mão. Jamil ainda disse que é o momento de renovação na política com pessoas e ideias novas, deixando de lado a “velha política”.

Sendo assim, se nenhuma das partes ceder, Guaíra terá 04 candidatos à prefeito. Mas como em política tudo pode acontecer, vamos aguardar o dia 13 de setembro para termos essa confirmação.

*As informações do autor não expressam ou refletem a opinião do Portal Guaíra