ad

Na madrugada de hoje (13), durante patrulhamento de rotina pela cidade de Guaíra, Policias Militares do BPFron – Batalhão de Polícia Militar de Fronteira -, se depararam com veículos do tipo SUV com caixas que aparentavam ser de cigarros contrabandeados do Paraguai.

Imediatamente os Policiais Militares tentaram realizar a abordagem, utilizando-se de sinais luminosos e sonoros que não foram acatados pelos condutores dos veículos, dando início a um acompanhamento tático

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Durante o acompanhamento um condutor que dirigia um veículo KIA/Sorento, disparou diversas vezes contra os Policiais no intuito de impedir a abordagem. Ele veio a abandonar o veículo em que estava em frente a casa de sua mãe, onde adentrou e posteriormente pulou o muro de residências vizinhas, se encondendo em uma dessas residências.

O indivíduo foi localizado no interior de uma residência. Com ele foram encontrados 04 carregadores de pistola Glock com 56 munições intactas de calibre 9mm, cinto de guarnição, algema, capa de colete e fardamento camuflado do tipo digital. Segundo o indivíduo a ideia era ficar “parecido com policias” e que isso causava “impacto psicológico” em suas vítimas, contrabandistas que tinha os ilícitos roubados pelo grupo. Informou ainda que, os outros dois veículos que participaram do acompanhamento, tinham sido recentemente roubados de contrabandistas em um porto.

Ao total, foram apreendidos 04 carregadores de pistola 9mm, 56 munições intactas 9mm, fardamento camuflado, 01 veículo recuperado com alerta de roubo com um rádio transceptor acoplado e uma réplica de fuzil e mais de dois mil pacotes de cigarros contrabandeados do Paraguai além da quantia de 96,00 reais.

As informações são do BPFron