ad

[dropcap color=”#dd3333″]H[/dropcap]oje pela manhã, a Prefeitura de Guaíra recebeu uma denúncia de que, no distrito de Bela Vista, um homem poderia ter colocado veneno na caixa d’água.

Imediatamente o vice-prefeito Beto Salamanca, juntamente com a Secretária de Educação Franciele Danelon, entraram em contato com a diretora da Escola Municipal Mário Calmon Eppinghaus, explicaram a situação e solicitaram que as aulas fossem suspensas. O mesmo pedido a creche da localidade.

Beto e Franciele seguiram até o distrito para verificar a suspeita.

Conforme informações, um homem que sofre de distúrbios teria sido avistado subindo na Caixa de Água da Sanepar – responsável pelo abastecimento da Vila – e colocando algo suspeito, que poderia ser algum tipo de veneno.

Além da suspensão das aulas, o vice-prefeito também acionou a SANEPAR e Vigilância Sanitária do Município, para que façam a análise da água, esvaziamento e limpeza das caixas d’água das instituições.

As aulas deverão continuar suspensas até a divulgação do resultado das análises.

Atualização (15:05)

Conforme informações da Assessoria de Imprensa do Município, as aulas não serão suspensas. Segundo a Secretária de Educação, o laudo sobre a possível contaminação da água só sairá em 20 dias, sendo assim, todas as medidas já estão sendo tomadas afim de garantir que a água usada pelos educandários tenha sua normalidade e os alunos retornem as salas de aula. 

Portal Guaíra com informações do Ponto da Noticia


CLINICA SALUTAR