ad

[dropcap color=”#dd9933″]E[/dropcap]m diligências de rotina no início da madrugada desta sexta-feira (24), pelo Lago de Itaipu, Agentes Federais de Guaíra/PR avistaram duas embarcações suspeitas deixando o Paraguai e adentrando o Brasil, em alta velocidade e sem qualquer luz de navegação e identificação.

De imediato, os Agentes iniciaram perseguição pelo rio Paraná e um dos barcos retornou ao Paraguai.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Abordo da Lancha Blindada da Polícia Federal, com velocidade de quase 100 km/h, o acompanhamento tático seguiu por alguns quilômetros rio acima, sendo que no trajeto, os ocupantes do barco em fuga focaram a lanterna cilibrim na direção dos PFs e jogaram caixas de cigarros no rio, tudo na tentativa de dificultar a navegação.

Ao perceber que a abordagem seria inevitável, os “cigarreiros” atiraram a embarcação contra à margem do Mato Grosso do Sul, local conhecido como Porto Izabel, em Mundo Novo, e fugiram a pé adentrando a mata. Apesar de buscas, eles não foram encontrados.

Os Agentes Federais apreenderam a embarcação em fibra, na cor preta e equipada com motor Yamaha de 200HP, de altíssima potência, que facilmente ultrapassa os 100 km/h; além de 25 mil maços de cigarros contrabandeados do Paraguai.

Segundo informou a PF ao Portal Guaíra, mesmo ocorrendo uma grande Operação do Exército Brasileiro na Fronteira, denominada Ágata 9, os contrabandistas não se intimidam e tentam subir o Rio Paraná com os mais diferentes produtos ilícitos. E, sendo assim, a Polícia Federal tem feito patrulhamento contínuo afim de coibir e interceptar essas embarcações.

GUAIRA-EMBARCACAO-APREENDIDA-COM-CIGARROS-NO-LAGO-DE-ITAIPU

GUAIRA-EMBARCACAO-APREENDIDA-COM-CIGARROS-NO-LAGO-DE-ITAIPU-2

Redação Portal Guaíra