ad

No dia 18 de setembro, a 15ª Companhia de Infantaria Motorizada – Sentinela da Fronteira – celebrou a tradicional Páscoa dos Militares, a qual contou com integrantes da Marinha, Exército e das Forças Auxiliares (Polícia Militar, Bombeiros e Guarda Municipal).

Esta cerimônia religiosa foi realizada pela primeira vez em 1945, quando a Força Expedicionária Brasileira (FEB), por concessão da Igreja, foi autorizada a celebrá-la fora de época, devido ao fato de estar combatendo junto aos aliados na II Guerra Mundial, no período previsto para Páscoa, o que impediu que os militares brasileiros pudessem participar desta festividade religiosa.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Com a finalidade de realizar o congraçamento da Família Militar Cristã e proporcionar o fortalecimento da fé entre os militares, a data foi rememorada com três eventos simultâneos com os segmentos católico, evangélico e espírita.

A missa católica foi realizada na Paróquia Nossa Senhora dos Navegantes, celebrada pelo 2° Tenente Capelão Militar José Juciêr Ferreira Alves. Esta cerimônia foi iniciada com a entrada da Bandeira Nacional e em seguida do canto do Hino Nacional.

A reunião Espírita, foi realizada na Casa Espírita Caminheiros do Bem, pela Sra Joana D’arc Cardoso.

Já o Culto Evangélico foi realizado na Primeira Igreja Batista de Guaíra, o qual foi conduzido pelo Pastor Omar Leão.

Ao todo cerca de 300 pessoas, entre militares das Forças Armadas, dos Órgãos de Segurança Pública e seus familiares, participaram das três cerimônias religiosas realizadas na guarnição de Guaíra

Portal Guaíra via Assessoria