Uma moradora de Goioerê foi até a delegacia dar queixa de que o filho estava desaparecido e antes mesmo de formalizar o registro do boletim de ocorrência descobriu o paradeiro do rapaz.

Ela disse ao policial que desde o último dia 28 de agosto não falava com o filho e que no último contato ele disse que iria trabalhar em Turvo.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Durante o registro da ocorrência, o policial descobriu que o “desaparecido” estava na Penitenciária Industrial de Guarapuava e resolveu o mistério.

Portal Guaíra com informações do Goionews