O Ministério Público do Paraná denunciou em Goioerê, no Centro-Ocidental do estado, um homem responsável por crimes sexuais cometidos em 2014. Naquele ano, o próprio autor dos crimes filmou e divulgou vídeo no qual oferece substâncias entorpecentes a drogaditos em troca da prática de atos libidinosos entre si. Os atos foram registrados por ele e divulgados, alcançando ampla circulação em redes sociais.

Seis anos após os crimes, diante do esgotamento das investigações, o MPPR, a partir do auxílio da Polícia Científica, conseguiu identificar o autor da gravação por meio de perícia da voz. Isso possibilitou o oferecimento da denúncia, já recebida pelo Judiciário. O processo corre em segredo de justiça.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Portal Guaíra com informações do MPPR