[dropcap color=”#dd3333″]A [/dropcap]Polícia Civil investiga um suspeito de pedofilia, que estaria usando perfil falso para assediar sexualmente adolescentes na região. A denúncia partiu de uma moradora da vila Guaíra, em Goioerê.

Ela relatou que a filha, de 13 anos, recebeu mensagens de cunho sexual pelas redes sociais. No perfil do suspeito, em que consta um telefone cadastrado da operadora OI, do Maranhão, a polícia identificou diversas referências à pedofilia, como uma postagem que diz: “meninas novinhas que quiserem brincar podem me chamar”.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Segundo a mãe da adolescente, o assediador chegou a indagar sobre a virgindade. Segundo a Polícia Civil, diversos perfis falsos são empregados com a mesma finalidade e o caso serve de alerta.

Portal Guaíra com informações do Goionews