ad

A base da Polícia Militar Ambiental em Mundo Novo/MS realizou várias buscas na divisa entre Mato Grosso do Sul e Paraguai e não conseguiu identificar o avião que poderia ter caído durante perseguição feita por aeronave da Força Aérea Brasileira (FAB), no sábado (24). Foram feitos disparos para tentar abater o avião.

Em contato com policiais militares ambientais da região, o Portal Correio do Estado apurou que a conclusão da investigação é que o avião perseguido conseguiu atravessar para o lado paraguaio. No domingo (25), nenhuma pista também foi identificada.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

A FAB, por meio da assessoria de imprensa em Brasília, informou que a retomada das buscas só será feita nesta segunda-feira (26). Autoridades paraguaias foram informadas do caso.

O governo paraguaio avalia que esse avião tem registro no país e a Secretaria Nacional Antidrogas do Paraguai ficou responsável por averiguar o caso. Foi dado um alerta satelital para tentar identificar o paradeiro da aeronave.

O CASO

De acordo com a Polícia Militar Ambiental de Japorã/MS, equipes da PM foram acionadas pela FAB por volta das 14h de domingo para iniciarem buscas pela região de Japorã.

A informação inicial era de que o avião de pequeno porte e não identificado tivesse sido abatido e caído na região dos municípios. A aeronave foi perseguida pelo caça desde o interior de São Paulo.

Equipes do Corpo de Bombeiros, da Polícia Militar e até da Polícia Federal fizeram buscas por terra enquanto aeronave da FAB continuava as buscas pelo ar. No entanto, a aeronave não foi encontrada até o fim da noite de ontem e a suspeita é que o piloto tenha pousado em terras paraguaias. A polícia paraguaia iniciou as buscas na noite de ontem.

Capsulas foram encontradas

Na tarde de domingo o site Regional MS divulgou algumas imagens que seriam de cápsulas deflagradas da aeronave da FAB. Segundo o site, populares encontraram as cápsulas, praticamente do tamanho de uma garrafinha de Long Neck, nas proximidades onde um morador da cidade de Japorã/MS filmou a perseguição [filme abaixo]. Não existe uma confirmação se realmente os projéteis são do caça, mas as imagens já circulam pelas redes sociais.

Vídeo

Um vídeo gravado por um morador de Japorã e que circula nas redes sociais mostra o momento em que o caça da FAB persegue a aeronave de pequeno porte. Disparos são ouvidos, mas não é possível visualizar possível queda ou pouso do avião perseguido.

Fronteira – Internauta flagra momento em que avião da FAB persegue outro avião com sentido ao Paraguai.

Gepostet von Portal Guaíra am Sonntag, 25. Oktober 2015

CAPSULAS-DISPARADAS-DO-CACA-DA-FAB

CAPSULAS-DISPARADAS-DO-CACA-DA-FAB-2

CAPSULAS-DISPARADAS-DO-CACA-DA-FAB-3

CAPSULAS-DISPARADAS-DO-CACA-DA-FAB-4

CAPSULAS-DISPARADAS-DO-CACA-DA-FAB-5

CAPSULAS-DISPARADAS-DO-CACA-DA-FAB-6

Portal Guaíra com informações do Correio do Estado