A Polícia Nacional do Paraguai prendeu nesta segunda-feira (11) seis pessoas suspeitas de envolvimento em chacina que assassinou quatro pessoas na cidade de Pedro Juan Caballero, cidade do Paraguai no último sábado (9).

O crime ocorreu na fronteira entre o Paraguai e Ponta Porã (MS). Durante operação da polícia, três carros foram apreendidos, além de seis suspeitos detidos em uma casa invadida localizada em área conhecida como Villa Estefan de Amambay.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Entre as vítimas estão: Osmar Grance, 32, Kaline Reinoso de Oliveira, 22, Rhamye Jamilly Borges de Oliveira, 18, e Haylee Carolina Acevedo Yunis, 21, filha de Ronald Acevedo, governador de Amambai, no Paraguai.

Kaline e Rhamye eram estudantes de medicina brasileiras. No momento do crime, eles saíam de uma casa de eventos.

A polícia investiga se há envolvimento do Primeiro Comando da Capital (PCC) no caso, já que a região tem forte presença de facções do crime organizado voltadas para o tráfico internacional de drogas.

Portal Guaíra com informações da TV Cultura