Acidente com helicóptero na fronteira de Foz do Iguaçu: Por volta das 16h30 de segunda-feira (09), foi encontrado o corpo do paranaense Willian Willemann Brandão, 28 anos, na cidade de Itakyry, próximo a Hernandarias, na região de Ciudad del Este.

Mais cedo um helicóptero que era pilotado por Brandão foi encontrado carbonizado em uma área rural. O corpo do homem, que é de Cianorte, estava a mais de um quilômetro da aeronave da qual também era proprietário.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Testemunhas afirmam que visualizaram as chamas do helicóptero por volta das 15h de domingo. No entanto, o corpo do piloto só foi encontrado 25 horas após o possível acidente.

A polícia paraguaia suspeita que o homem tenha sido retirado do helicóptero e carregado até o local onde foi encontrado. Ainda de acordo com a polícia paraguaia, havia várias fraturas pelo corpo, o que impossibilitaria que ele tivesse saído da aeronave sozinho e caminhado até onde estava, aproximadamente 1,5 km. Próximo ao corpo foram encontrados sinais de rodas de um carro.

A Polícia do Paraguai quer saber agora como o corpo de Willian foi parar distante do local da queda ou do pouso forçado da aeronave e quais as circunstâncias do acidente.

O município de Itakyry, que fica a cerca de 80 quilômetros de Ciudad del Este, é uma zona onde há muitas plantações de maconha.

O helicóptero fabricado em 2008 foi comprado por Willemann em 10 de maio deste ano e estava com os certificados de voos em dia de acordo com as autoridades de aviação civil brasileiras.

Devido ao mau tempo e do péssimo estado das estradas locais os policiais paraguaios só conseguiram chegar aos destroços do helicóptero na manhã de segunda-feira (9).

Portal Guaíra com informações da Rádio Cultura Foz