Um brasileiro foi extraditado durante uma operação da Polícia Paraguaia, na terça-feira (21).

O homem era considerado foragido pela Interpol (Organização Internacional de Polícia Criminal), após matar Reno Kemper em São João do Oeste, Santa Catarina, em 1997.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Na época três homens encapuzados invadiram a residência e mataram a vítima.

O foragido havia sido preso no dia 26 de outubro deste ano, e aguardava ordem do juiz para que a extradição fosse realizada.

O procedimento foi feito pela Polícia Nacional do Paraguai e Interpol. O homem foi entregue à Polícia Federal brasileira e deverá cumprir pena em Santa Catarina.

Portal Guaíra com informações da Tarobá