Kátia da Silva está desde terça-feira acampada na fronteira entre Foz do Iguaçu, no Brasil, e Ciudad del Este, no Paraguai a procura do veículo da família que foi roubado.

Ela conta com a ajuda do marido, que hoje voltou ao trabalho, mas que a noite retorna para o local. “Eu estava terminando de estacionar o carro na Avenida Mário Filho, quando dois elementos chegaram e armados me pediram a chave do veículo, minha bolsa e o celular”, contou Kátia.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Kátia e o marido pretendem ficar acampados na aduana brasileira até que o veículo seja encontrado; mesmo enfrentando situações precárias. “Esperamos que alguém que tenha visto o carro denuncie. Nós estamos aqui desde terça-feira, comendo qualquer coisa, enfrentando o sol forte durante o dia e dormindo em papelão, passando frio. Temos um bebê de três anos que estão com outras pessoas para que possamos ficar aqui”, disse a vítima.

O veículo roubado é um Gol de cor grafite de placas CSL 7035 de Foz do Iguaçu. Qualquer informação, basta ligar para o 190 da Polícia Militar.

Fonte: Catve