O Conselho de Desenvolvimento Econômico de Foz do Iguaçu (Codefoz), no oeste do Paraná, deve encaminhar até o dia 30 de agosto de 2013 ao Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (Dnit) um projeto que prevê a revitalização de parte da estrutura da Ponte Internacional da Amizade, que liga o Brasil e o Paraguai.

O diretor do Codefoz explicou que a ideia é investir aproximadamente R$ 1 milhão para melhorar a estrutura. A verba seria destinada do Dnit, Polícia Federal (PF) e Receita Federal. A previsão é de que as obras comecem ainda este ano. “O projeto executivo é para reforma da ponte, pintura da ponte e nós precisamos mudar, também, toda a parte de gradil, tirar essas grades. E nós estaremos fazendo um projeto único que isso fique bonito, de segurança e que as pessoas possam transitar com segurança”, disse o presidente do Codefoz Danilo Vendrúscolo.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------
Ponte Internacional da Amizade em Foz do Iguaçu
Ponte da Amizade em Foz do Iguaçu

Cerca de 4 milhões de pessoas passam por ano na Ponte da Amizade. Muitos precisam cruzar a ponte todos os dias e se sentem inseguros na hora da travessia. As grades instaladas estão enferrujadas, tortas e muitas oferecem riscos aos pedestres. O trabalho de conserto até é feito com frequência, mas em pouco tempo ficam danificadas. O problema, segundo a polícia, são os contrabandistas, que fazem buracos nas telas para poder jogar o contrabando.

Além disso, há um grande movimento de veículos, principalmente de caminhões. Este ano, por exemplo, duas pessoas já morreram vítimas de acidentes em cima da ponte. No dia 19 de julho um mototaxista de 63 anos morreu depois de ser atropelado por uma carreta. Quase um mês depois uma jovem de 23 anos também morreu atropelada por um caminhão.

Fonte: G1