Fotos: Nilton Rolin/Itaipu Binacional

[dropcap color=”#dd9933″]A[/dropcap]s novas opções de passeio do Complexo Turístico Itaipu (CTI), inauguradas recentemente, contribuíram para que a Itaipu conquistasse o melhor janeiro da história no turismo. Ao todo, 128.662 visitantes conheceram os atrativos da binacional, somando as visitas turísticas e institucionais das duas margens, brasileira e paraguaia. O número supera o recorde anterior, de janeiro de 2018, quando 127.774 passaram por Itaipu.

No lado brasileiro, o CTI recebeu 91.800 visitantes em janeiro, um aumento de 7,5% em relação ao mesmo mês do ano passado. Uma das novidades neste ano, o Itaipu Natureza, contribuiu para aumentar o número de visitação. Com 2.336 turistas, o atrativo inaugurado em 10 de janeiro é o único fora da binacional. Ele está montado no Cataratas JL Shopping, em Foz do Iguaçu, até 30 de julho.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

“Depois de mais de um milhão de visitantes, em 2018, temos muito o que comemorar”, disse o gerente do CTI, Yuri Benites. Para ele, a Itaipu e o PTI seguem na direção de ampliação da oferta aliada à melhoria na experiência para os visitantes. “Ações como os lançamentos dos novos atrativos, melhorias de logística e adequação no horário de funcionamento contribuíram para o crescimento neste mês de janeiro, que é um dos meses de maior demanda?, finalizou. No final do ano passado, o CTI lançou outros atrativos como o Itaipu Tecnologia e o Itaipu Kids.

Dos demais atrativos do Complexo, o Ecomuseu foi o que teve o aumento mais significativo em termos percentuais. Passaram pelo local 14.939 turistas, 74% a mais que o mesmo mês em 2018. A Itaipu Panorâmica foi o passeio mais procurado pelos visitantes, 56.517 pessoas fizeram a visita.

Recorde anual
Os bons números de janeiro levam o turismo de Itaipu a acreditar em nova quebra de recorde em 2019. No ano passado, o número de visitantes ultrapassou pela primeira vez a barreira de 1 milhão em um único ano. No total, 1.024.549 pessoas passaram pelos atrativos da hidrelétrica pelas duas margens (brasileira e paraguaia) e nas duas modalidades (turística e institucional). A meta é superar, até 2023, a marca de 2 milhões.

A Itaipu
Com 20 unidades geradoras e 14 mil MW de potência instalada, a Itaipu Binacional é líder mundial na geração de energia limpa e renovável, tendo produzido, desde 1984, mais de 2,6 bilhões de MWh. Em 2016, a usina brasileira e paraguaia retomou o recorde mundial anual de geração de energia, com a marca de 103.098.366 MWh. Em 2018, a hidrelétrica foi responsável pelo abastecimento de 15% de toda a energia consumida pelo Brasil e de 90% do Paraguai.

Portal Guaíra via Assessoria