Uma festa clandestina com cerca de 400 pessoas foi encerrada na madrugada de domingo (13), em Foz do Iguaçu. De acordo com a prefeitura, os participantes, a maioria menor de idade, estavam aglomerados e não usavam máscaras.

O evento, organizado por grupos de aplicativo, foi realizado enquanto o decreto que estabelece toque de recolher entre 23h e 5h está em vigência no estado.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

A prefeitura informou que muitos participantes tinham 14 anos. Os pais ou responsáveis foram chamados para buscar os adolescentes.

O município informou que três responsáveis, que se dirigiram ao local, tinham diagnóstico positivo para a Covid-19.

O evento foi organizado por quatro pessoas, das quais três eram menor de idade.

O jovem com mais de 18 anos foi multado em mais de R$ 8 mil e assinou um termo de responsabilidade criminal para ser liberado, ainda segundo a prefeitura. Ele responderá a um processo judicial.

A prefeitura também informou que os organizadores menores de idade não foram autuados, mas os responsáveis por eles foram acionados e assinaram termo de responsabilidade criminal. Eles também responderão a processo.

A responsável pela residência onde estava ocorrendo a festa clandestina foi autuada com multa e responderá criminalmente pela locação do ambiente, informou a prefeitura.

Até este domingo (13), Foz do Iguaçu tinha 15.710 casos confirmados do novo coronavírus, com 8.986 pessoas recuperadas e 210 óbitos registrados, segundo o último boletim divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa).

Fiscalização
Além da festa clandestina, outros três locais foram interditados na noite de sábado (12) por descumprirem medidas sanitárias ou decretos municipais, de acordo com o relatório da Defesa Civil.

No total, foram 28 locais fiscalizados, com registro de 24 orientações.

Portal Guaíra com informações do G1