(Foto: William Brisida/RPC)

Após ficar uma semana internado, um homem que foi atropelado em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, reencontrou a cachorra dele, que o acompanhou na ambulância e ficou à espera dele no hospital. Aparecido de Fátima da Silva recebeu alta na manhã deste sábado (19).

O acidente aconteceu no dia 12 de junho, na BR-277. Os bombeiros disseram que a cachorra Lessie ficou o tempo todo ao lado do dono e foi autorizada a embarcar na ambulância para evitar novos acidentes.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

As equipes de enfermagem resolveram cuidar da cachorra, já que o animal continuou na porta do hospital à espera do dono. À época, ela foi apelidada de “Nina”.

Enquanto Aparecido se recuperava no hospital, um técnico de enfermagem levou Lessie para casa. Neste sábado, a cachorra foi levada até a porta da instituição, onde reencontrou o tutor.

Ao sair do hospital, Aparecido disse que estava com muita saudade da companheira.

“É meu cãozinho de guarda. Ela me cuidou no meio da pista, ficou deitada do meu lado. Me cuidou igual uma mãe cuida de um filho. Só tenho o que agradecer. Ela foi bem cuidada, está uma daminha”, contou.

Aparecido fraturou as duas pernas e sofreu um corte na cabeça. Após receber alta, ele foi para casa de familiares, junto com a cachorra.

Portal Guaíra com informações do G1