ad

A imagem de uma mulher que superou o câncer de mama se transformou em viral do Facebook. A página de um estúdio de tatuagem postou uma foto do colo de uma mulher tatuado. Porém, após ser removida diversas vezes, os tatuadores começaram uma campanha na rede social para que o Facebook não delete mais a imagem por considerá-la imprópria. As informações são do site “The Huffington Post”.

A foto da mulher foi originalmente tirada do livro “Bodies of Subversion: A Secret History of Women and Tattoo” (Corpos de subversão: uma história secreta de mulheres e tatuagens”, em tradução livre).

A imagem mostra a região do colo de uma mulher que foi submetida a uma mastectomia dupla, que consiste na remoção completa dos seios.  Desde o início da campanha do estúdio canadense Custom Tatoo Design, a foto já foi curtida mais de 150 mil vezes e compartilhada quase 200 mil vezes por usuários do Facebook.

“O Facebook continua a remover a postagem por considerá-la ofensiva, em função da nudez. No entanto, nós achamos que essa mulher é forte e corajosa, então nós vamos postar aqui de qualquer forma e pedimos o apoio de vocês”, diz o post na página do estudo.

Lee Roller, dono do estúdio Custom Tatoo Design, disse em entrevista ao “Huffington Post” que o Facebook removeu a mesma imagem de outras duas páginas. Assim que ficou sabendo, ele começou a fazer a campanha.

Com a repercussão, Roller informou que o Facebook entrou em contato e informou não querer mais remover a imagem.

Fonte: BOL


ad