morte-piraquaraUma mulher de 57 anos foi morta pela própria filha, uma jovem de 22 anos, na madrugada de ontem (29) , em Piraquara, região metropolitana de Curitiba.

A funcionária do Hospital São Roque, Maria de Fátima Nunes Mendes, foi espancada até morrer porque teria se recusado a dar dinheiro para a filha, Camila Nunes Mendes, que queria comprar drogas.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

A vítima foi atingida por golpes de martelo, pedaços de pau e cadeiras. De acordo com informações repassadas pela Polícia Militar , a cena era dantesca.

A mulher estava caída ao lado da cama e por todos os lados havia marcas de sangue.

As filhas da autora do crime e netas da vítima, uma de três e outra de cinco anos, presenciaram o assassinato e no momento em que a polícia chegou ao local, a mais velha contou que a mãe havia matado a vovó.

O cartão bancário de Maria de Fatima desapareceu. A polícia tenta agora encontrar os dois homens que teriam participado do assassinato.

Camila foi encaminhada para a Delegacia de Piraquara e assumiu o homicídio.

Fonte: Band B