Viralizou em todo o mundo a atitude da estudante americana de 21 anos que criou máscaras para ajudar deficientes auditivos.

Ela desenvolveu o material em casa com a mãe para doar para pessoas com necessidades especiais, já que a máscara normal cirúrgica esconde os lábios e impede a interpretação.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

As máscaras são feitas com TNT ou tecido e na parte da boca há uma transparência para que os lábios possam estar visíveis.

Em vídeo para rede americana de televisão ela conta que fez isso para ajudar mesmo e a ideia ganhou destaque. “Vi pessoas fazendo máscaras no Facebook para todos e pensei: e a população de surdos e com deficiência auditiva”.

Ela é graduada na Eastern Kentucky University, Educação Diferencial, para pessoas com surdez e problemas de comunicação. Está em quarentena preventiva há algum tempo, a fim de evitar possíveis infecções e sabe como investir perfeitamente seu tempo.

Portal Guaíra com informações do Saber Viver Mais