ad

[dropcap color=”#1e73be”]N[/dropcap]ão é de hoje que após as eleições gerais os guairenses começam a analisar se valeu ou não a pena o voto depositado para deputados, isso no quesito comprometimento com o nosso município, afinal, os “paraquedistas” aterrissam na fronteira, levam um caminhão de votos e poucos conseguem se eleger. Este ano foram “apenas” 480 candidatos que receberam votos em nossa cidade. Destes, 29 conseguiram (com os votos recebidos em Guaíra) uma vaga na Assembleia Legislativa do Paraná, ALEP; outros 48 foram eleitos, também com votos angariados em nossa cidade, para a Câmara dos Deputados.

Nesse pleito de 2018 foram 214 deputados federais que obtiveram votos em Guaíra. Destes 29 conseguiram se eleger/reeleger e outros 185 ficaram de fora, perfazendo um total de 15 mil e 404 votos válidos.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Para a Assembleia Legislativa do Paraná não foi diferente: 266 candidatos obtiveram votos em nossa cidade, 48 se elegeram/reelegeram, 218 não conquistaram a tão sonhada “cadeira”, num total de 14 mil e 905 votos válidos.

Para os que dizem que “o importante é a renovação”, em parte não estão errados, mas isso pode ter graves consequências. Por exemplo dos 08 principais deputados estaduais que conseguiram verba para nossa cidade nos últimos quatro anos, num montante de quase R$ 10 milhões, apenas dois se reelegeram. E mais, 71% deste valor (R$ 6,5 milhões) foram emendas parlamentares do deputado Elio Rusch, seguido por 13% de André Bueno (R$ 1,2 milhão) e que não conseguiram se reeleger.

Já na câmara dos deputados não foi diferente: dos 08 principais que levantaram verba para Guaíra nos últimos quatro anos, apenas o Zeca Dirceu (R$ 839 mil / 3,36%) conseguiu se reeleger. Sendo que Evandro Roman (R$ 15 milhões / 63%) foi o que mais emendas parlamentares trouxe e não chegou lá.

Mas também temos as surpresas. Jamil Abu (PRP), 44 anos, empresário guairense que colocou seu nome à disposição da população, surpreendeu e obteve 3.320 sufrágios em Guaíra e 3.745 votos no total (0,07% no estado), conseguindo assim a 5ª suplência no seu partido, que não elegeu nenhum representante. Mas, apesar de ser o candidato a deputado estadual mais votado em nosso município, Jamil, dificilmente consiga assumir uma vaga e nos representar na ALEP.

E assim é a política. Uns vem e outros vão. Nós seguimos na torcida para que todos que passaram pela fronteira para pedir votos e receberam, independe da quantidade, para que lembrem de Guaíra ao longo dos próximos 04 anos e não somente daqui há quatro anos na próxima campanha.

Redação Portal Guaíra