(Foto: Divulgação/Agência Brasil)

ad

Um balanço divulgado pela Receita Federal no Paraná aponta que 1.606.000 declarações de imposto de renda foram entregues. Foram levados em conta os documentos formalizados até as 15h de segunda-feira (29).

Faltando pouco mais de 30 horas para o fim do prazo, a Receita Federal aponta que 18,5% dos paranaenses ainda não prestaram as contas com o leão. Neste ano, são esperadas 1,97 milhão de declarações de pessoas físicas do estado.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Prazo
O prazo para o contribuinte entregar a declaração, que começou no dia 7 de março, termina às 23h59 desta terça-feira (30). Em todo o Brasil, são esperadas, ao final do prazo, um total de 30,5 milhões de declarações entregues.

A prestação de contas pode ser feita de três formas: pelo computador, por celular ou tablet ou por meio do Centro Virtual de Atendimento (e-CAC).

Multa
Quem não entregar a declaração no prazo está sujeito à multa de 1% ao mês-calendário ou fração de atraso, lançada de ofício e calculada sobre o total do imposto devido nela apurado, ainda que integralmente pago.

A multa terá valor mínimo de R$ 165,74 e máximo correspondente a 20% do Imposto sobre a Renda devido. A multa mínima será aplicada inclusive no caso de declaração de Ajuste Anual da qual não resulte imposto devido.

Restituições
Segundo a Receita, as restituições do Imposto de Renda serão feitas em sete lotes a partir de junho deste ano: o primeiro lote sairá no dia 17 de junho; o segundo, em 15 de julho; o terceiro, em 15 de agosto; o quarto, em 16 de setembro; o quinto, em 15 de outubro; o sexto, em 18 de novembro; e o sétimo, em 16 de dezembro.

Portal Guaíra com informações da Agência Brasil