Messi confirma o favoritismo e leva o tetra
Messi confirma o favoritismo e leva o tetra

Exterminador de recordes em 2012, Lionel Messi não precisou mesmo do sucesso coletivo para levar mais um prêmio para casa.

E que prêmio! Vestindo um smoking no mínimo diferente com bolinhas brancas na festa de gala da Fifa, no Teatro Kongresshaus, em Zurique, cidade-sede da entidade, na Suíça, o craque argentino foi eleito nesta segunda-feira o melhor jogador do mundo pela quarta vez consecutiva, superando Cristiano Ronaldo, do arquirrival Real Madrid (segundo) , e Andrés Iniesta, companheiro seu no Barcelona (terceiro).

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Neymar é superado por Stoch, do Fener, no prêmio de gol mais bonito

O craque santista, por sinal, também não levou o Prêmio Puskas pela segunda vez consecutiva. Vencedor em 2011 com o golaço marcado diante do Flamengo, Neymar viu o eslovaco Miroslav Stoch, do Fenerbahçe, receber a honraria após eleição com mais de cinco milhões de votos na internet. Falcao García, outro concorrente, também foi superado.

O atacante Miroslav Stoch, do Fenerbahçe, superou Neymar e teve gol vencedor do prêmio Ferenc Puskás
O atacante Miroslav Stoch, do Fenerbahçe, superou Neymar e teve gol vencedor do prêmio Ferenc Puskás

Fonte: Globo Esporte