Leonardo Silva levantou o troféu inédito do Atlético-MG, depois da vitória por 1 a 0 (Foto: Douglas Magno)

ad

O Brasil amanheceu em preto e branco. O Galo é o novo dono da Copa do Brasil pela primeira vez na história. O maior clássico de todos os tempos entre Atlético-MG e Cruzeiro foi digno da tradição dos dois maiores clubes do futebol brasileiro na atualidade. A decisão jamais será esquecida pelos atleticanos, que dominaram a Raposa dentro do Mineirão e venceram por 1 a 0, conquistando o título inédito.

O Galo já entrou em campo com vantagem, por ter vencido o duelo da ida por 2 a 0, no Independência, e mesmo assim tomou a iniciativa do jogo, pressionando o Cruzeiro, até que no fim do primeiro tempo Tardelli transformou o domínio da partida em vantagem no placar, anotando o gol do título. A vitória do Atlético-MG carimba a faixa dos cruzeirenses, que foram campeões brasileiros no último domingo (23).

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Campeão da Copa do Brasil, o Atlético-MG ainda tem mais dois compromissos no Campeonato Brasileiro antes de encerrar a temporada. No domingo (30), os alvinegros recebem o Coritiba, no Independência. Já o Cruzeiro tem o título do Brasileirão confirmado por antecipação e visita a Chapecoense no final de semana antes de fechar o ano com o jogo das faixas contra o Fluminense, no Mineirão.

A final da Copa do Brasil entre os maiores rivais de Minas Gerais é a confirmação que os dois times de Belo Horizonte deslocaram o eixo do futebol nacional para Belo Horizonte. A organização e a estrutura dos clubes é só um dos fatores que explica o sucesso do Atlético-MG, agora campeão da Copa do Brasil, e do Cruzeiro, tetracampeão Brasileiro, que já estão garantidos na Libertadores de 2015.

Leonardo Silva levantou o troféu inédito do Atlético-MG, depois da vitória por 1 a 0 (Foto: Douglas Magno)
Leonardo Silva levantou o troféu inédito do Atlético-MG, depois da vitória por 1 a 0 (Foto: Douglas Magno)

Fonte: Gazeta Esportiva