ad

policiaO adolescente Gabriel de Oliveira Souza, de apenas 15 anos, foi morto a tiros quando voltava da escola no final da tarde de terça-feira (18) no bairro Cajuru, em Curitiba.

Gabriel estava acompanhado da mãe dele, que presenciou o crime. O adolescente estava sendo ameaçado e, por isso, a mãe o buscava na escola. O motivo pode ser passional.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Mãe e filho caminhavam pela rua Leonardo Jareski, esquina com a rua Osíris Del Corso, quando, por volta das 17h40, cinco jovens se aproximaram. De acordo com o depoimento da mãe à polícia, três seguraram Gabriel e um atirou contra ele, que morreu na hora.

Mesmo em estado de choque, a mãe de Gabriel contou a Polícia Militar, que foi avisada pelos moradores do local, que o filho estava sofrendo ameaças. Ela contou ainda que por conta das ameaças passou a buscá-lo na escola nos últimos dias.

De acordo com o investigador Magalhães da Delegacia de Homicídios, um namoro da vítima pode ser a motivação do crime. “O garoto estuda em um colégio próximo e vinha para a casa a pé. Depois que ele passou a ser ameaçado a mãe o acompanhava até em casa para preservar o filho. Havia outra aluna com eles no momento do crime. Na volta, ele foi cercado por alguns jovens e levou três tiros. Possivelmente uma namorada que ele tinha. É muito sofrimento na família”, contou.

O corpo do garoto foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) e a Delegacia de Homicídios investiga o crime.

Fonte: Portal Rondon/Banda B