As investigações do crime da garota Tayná Adriane da Silva, 14 anos, que morreu por estrangulamento com o cordão de um sapato no dia 25 junho estão tendo novas linhas desde o início dessa semana.

Informações obtidas pela Banda B na manhã de ontem (18) apontam que Tayná foi vista com um casal, entrando em um barracão ao lado do parque de diversões. A versão foi apontada por uma testemunha que deu declaração à Polícia Civil na tarde de ontem.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------
Tayná e o homem saíram do local, deixando a mulher sozinha...
Tayná e o homem saíram do local, deixando a mulher sozinha…

O homem aparece atrás de Tayná, nas câmeras de seguranças, do outro lado da rua. Detalhes relatados pela testemunha afirma que Tayná e o homem saíram do local, deixando a mulher sozinha.

Com a liberação dos quatro acusados, que inicialmente foram apontados como sendo os autores do crime, a Polícia Civil está ouvindo novas testemunhas e obtendo outras provas para chegar ao criminoso.

Ainda, a Banda B obteve a informação que investigadores foram até a residência desse homem e não o encontraram. Vizinhos disseram que ele não foi visto em casa nas últimas semanas.

Fonte: Banda B