(Foto: Hora Certa)

Uma mulher de 51 anos procurou o hospital em Campo Mourão na tarde de quinta-feira (18) após sentir que havia sido ferida na cabeça. O ferimento aconteceu quando voltava para sua casa de bicicleta, na Perimetral Tancredo Neves.

No hospital foi constatado que havia um projétil de arma de fogo alojado em sua cabeça.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

A Polícia Militar (PM) foi acionada pela enfermeira que atendeu a paciente, após o exame de imagem mostrar que o objeto aparentava ser um projétil de arma de calibre 22.

A vítima relatou aos policiais que retornava de bicicleta para a sua residência, por volta das 16h30, pela Perimetral Tancredo de Almeida Neves. Nas imediações de um posto de combustíveis ela sentiu um forte ardor na cabeça.

Ao chegar em casa ela percebeu que havia sangue e foi levada pelo esposo ao hospital, sendo então verificado que havia um pequeno objeto alojado em seu crânio. Ela não soube informar quem seria o autor do disparo.

Portal Guaíra com informações do Tá Sabendo