(Foto: Reprodução/Tribuna do Interior)

Uma jovem de 20 anos escondeu um feto de 7 a 8 meses de vida em uma sacola plástica depois de sofrer um aborto na cidade de Campo Mourão, na região noroeste do Paraná. O feto foi encontrado numa república estudantil na Avenida Capitão Índio Bandeira, no centro da cidade.

O caso foi descoberto porque a mulher teve um forte sangramento na região íntima e precisou receber atendimento médico. Ela deu entrada no Pronto Socorro da cidade na noite desta quinta-feira (12) e disse, num primeiro momento, que estava no período menstrual e que o sangramento estava mais forte do que o normal.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

O médico ginecologista que prestou o atendimento desconfiou dessa versão, mas a moça negou que tivesse feito o aborto. Ela passou por vários exames que confirmaram que ela estava grávida, e a Polícia Civil foi acionada para acompanhar o caso. O feto foi encontrado na madrugada desta sexta-feira (13) na lavanderia da república, tinha de 7 a 8 meses de gestação e pesava 3,3 quilos.

O feto foi levado ao Instituto Médico Legal (IML) e agora a polícia investiga se a bebê nasceu sem vida ou se morreu após o parto normal. A jovem segue internada e a polícia aguarda a alta policial para definir os rumos do inquérito.

Portal Guaíra com informações do Tribuna do Interior