O medo de ser contaminado pelo vírus da Covid-19 está fazendo com que homens se passem por mulheres grávidas com o objetivo de serem vacinados.

O fato aconteceu na cidade de Divinópolis, no Centro-Oeste de Minas Gerais e após dezessete homens se passarem por gestantes, o prefeito da cidade precisou alterar as regras de vacinação.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Agora, gestantes e puérperas, maiores de 18 anos precisam de um laudo médico atestando a gravidez com comorbidades e ainda, a indicação para tomar a vacina contra a COVID-19, informou a prefeitura.

Apesar das tentativas, os Fura filas foram identificados e denunciados para a Polícia Federal e para o Ministério Público que irão tomar as medidas cabíveis.

Portal Guaíra com informações da CGN