(Foto: Renan Oliveira Barreto / Reprodução G1)

ad

Um homem de 51 anos teve que passar por uma cirurgia para a retirada de uma pedra de mais de 1,3 kg de sua bexiga. O objeto tinha 18 cm de comprimento. O caso aconteceu no Hospital Antônio Teixeira Sobrinho, em Jacobina, na região norte da Bahia, nesta segunda-feira (20).

Segundo o médico que realizou o procedimento, essa é uma das maiores pedras em bexiga já registradas no mundo.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Ainda conforme relato do profissional, o paciente sentia ardência ao urinar e um peso no ‘pé’ da barriga há 10 anos, mas só procurou saber a causa em janeiro. Exames detectaram um cálculo de 10 cm na bexiga e o paciente foi, então, encaminhado para Salvador (Bahia), onde foi alertado sobre a necessidade de realização da cirurgia.

O lavrador ainda está internado, após a cirurgia de cerca de uma hora de duração. De acordo com os médicos, ele passa bem e está falando.

Explicação
Geralmente, as pedras na bexiga são causadas pela inflamação do órgão, segundo o cirurgião responsável pelo caso. Isso acontece quando o corpo está desidratado ou a urina está muito concentrada, o que faz com que ela crie cristais na bexiga, que podem acumular ao longo do tempo e criar uma pedra cada vez maior.

Portal Guaíra com informações do G1