Estivens Alves presta depoimento na 6ª DDM em São Paulo — Foto: Gabriela Gonçalves/G1
ad

Estivens Alves, ex-marido de Najila Trindade Mendes de Souza, chegou por volta de 10h10 na 6ª Delegacia de Defesa da Mulher em Santo Amaro, na Zona Sul de São Paulo, para depor no caso em que a ex-mulher acusa o jogador Neymar de agressão e estupro.

Segundo o advogado dele, Estivens vai falar sobre a visita que fez ao apartamento de Najila na quinta-feira (6) para retirar o tablet e o notebook do filho do casal.

Na quarta-feira (5), Najila havia dito que o apartamento dela foi arrombado. Segundo o advogado, Najila teria mandado uma mensagem ao ex-marido pedindo para ele ir no dia seguinte ao apartamento retirar o tablet do filho.

“A Najila disse que ele [Estivens] teria furtado esse tablet, mas o tablet que ele retirou é o tablet do filho, um tablet cinza”, disse Roberto Guastelli, advogado de Estivens. “E, segundo ele, ele vai confirmar se existia ou não um segundo tablet, o tablet rosa que seria o da Najila.”

“Ele tem uma mensagem dela e a entrada dele foi depois do arrombamento do apartamento. Ele entrou na quinta-feira, depois que ela mandou uma mensagem pra ele solicitando que ele vá até o apartamento dela para retirar os pertences do filho e isso aconteceu por volta das 14h.”

Guaselli disse ainda que Estivens tem sido ameaçado nas redes sociais por pessoas desconhecidas e irá registrar boletim de ocorrência. Sobre o caso em que ele teria sido esfaqueado por Najila em 2014, o advogado confirmou a existência do boletim de ocorrência. “Há um boletim de ocorrência no passado [por agressão], mas não foi dado sequência no andamento pela policia.”

O filho do casal está com a mãe de Estivens. A guarda da criança é compartilhada. “Foi uma separação consensual”, disse o advogado.

Assessor depôs
Nesta terça-feira (11), Rodrigo Sina Galo, assessor do jogador Neymar, prestou depoimento. A viagem de Najila a Paris para se encontrar com Neymar teria sido organizada por Galo. O assessor não deu entrevistas após depor.

Maíra Fernandes, advogada de Neymar, também esteve na delegacia para discutir medidas de segurança para que possa agendar um dia para que o jogador preste depoimento. Na tarde desta terça-feira, policiais faziam testes com grades de contenção para isolar o acesso à delegacia, onde Neymar deverá comparecer, em data ainda não divulgada. “As autoridades estão cuidando disso. Assim que a delegada marcar”, disse ela.

Portal Guaíra com informações do G1