A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu dois homens armados que ocupavam uma van com adesivos da Receita Federal carregada com 3,5 toneladas de maconha na quarta-feira (26) na BR 376, em Tijucas do Sul/PR, município da região metropolitana de Curitiba.

Trata-se da maior apreensão de maconha realizada este ano pela PRF no Paraná. Até então, a maior apreensão havia sido registrada no último dia 31 de maio em Cascavel, quando 2,37 toneladas da droga foram apreendidas.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Seguida por uma viatura da PRF por mais de 15 quilômetros, a van acabou por sair de pista e colidir contra um barranco, em uma rodovia secundária já dentro do perímetro urbano de Tijucas do Sul.

Os dois ocupantes do veículo, de 22 e 27 anos de idade, tentaram fugir a pé, mas foram alcançados e presos. Uma equipe da Polícia Militar chegou na sequência e deu apoio na localização e detenção de um dos envolvidos, que havia se escondido dentro de um barracão.

Com os presos foram apreendidas uma pistola calibre 380 e uma espingarda calibre 12, além de munições. Dentro do veículo havia exatos 3.500 tabletes de maconha, de um quilo cada. Um dos detidos declarou ser morador de Foz do Iguaçu. O outro, de Canoas/RS.

Os policiais rodoviários federais haviam desconfiado do comportamento dos ocupantes da van, que desobedeceram a ordem de parada.

Os presos relataram à equipe da PRF que buscaram a carga ilícita em Curitiba e que pretendiam entregá-la em Santa Catarina. A placa da van é clonada de um outro veículo similar, que pertencia à Receita e foi doado à Prefeitura de Foz do Iguaçu.

A PRF encaminhou a ocorrência para a Delegacia da Polícia Civil em São José dos Pinhais.

DROGA RECEITA

DROGA RECEITA 4

DROGA RECEITA 3

DROGA RECEITA 2

Portal Guaíra com informações da PRF