ad

Na quinta-feira (14), servidores da Receita Federal, em conjunto com agentes da Polícia Federal, desencadearam diversas ações no âmbito da Operação Fronteira Blindada, resultando na apreensão de nove veículos carregados com mercadorias estrangeiras irregularmente importadas, além da retenção de duas carretas com pneus.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

A primeira ação ocorreu por volta das 7h, com a montagem de uma barreira na rodovia BR-277, à altura do quilômetro 692, próximo à cidade de São Miguel do Iguaçu/PR. Os trabalhos resultaram na apreensão de oito automóveis de passeio: um Peugeot 307 com placa de Cascavel/PR, um Audi/A3 de Foz do Iguaçu/PR, dois VW/Voyages, um com placa de Goiânia/GO e outro de Barretos/SP, um GM/Vectra GT de Foz do Iguaçu/PR, um GM/Classic de Uberlândia/MG e dois VW/Gol, sendo um de Santa Terezinha de Itaipu/PR e o outro de Foz do Iguaçu/PR. Todos os veículos apreendidos transportavam grande quantidade de mercadorias diversas irregularmente introduzidas no País.

Por volta das 7h30 foi realizada mais uma ação, com o apoio do helicóptero da Receita Federal. Seguindo as coordenadas da equipe aérea, os servidores em terra deslocaram-se até um posto de combustíveis próximo à cidade de São Miguel do Iguaçu/PR. No local foram encontradas duas carretas, ambas com placas de Cascavel/PR, com pneus contrabandeados do Paraguai. Numa das carretas havia 25 pneus ocultos sob a estrutura do reboque do veículo. Na outra, os pneus contrabandeados haviam sido colocados no respectivo rodado. Os pneus foram avaliados em R$ 30 mil. Os proprietários de ambas as carretas serão autuados com multas de R$ 15.000,00, além do perdimento dos pneus.

A terceira ação ocorreu por volta das 8h30, quando os servidores suspeitaram de um veículo Ford/Fiesta com placa de Curitiba/PR, que estava estacionado em frente a uma residência localizada na cidade de Santa Terezinha de Itaipu/PR. Após a vistoria do veículo, verificou-se que ele estava carregado com mercadorias de origem estrangeira e que dentro da residência também haviam mercadorias contrabandeadas. Trata-se de produtos de pesca.

As mercadorias e veículos apreendidos foram avaliados em R$ 500 mil (sem computar as carretas). Todos os veículos foram encaminhados à sede da Receita Federal em Foz do Iguaçu para posterior verificação e contagem das mercadorias. Com exceção das carretas, os demais veículos e mercadorias ficarão sujeitos à pena de perdimento. Ninguém foi preso.

Fonte: Correio do Lago