Um dos veículos, com placas de São Paulo (SP), foi abandonado pelo motorista depois de bater em uma cerca (Foto: PRF / Divulgação)
Um dos veículos, com placas de São Paulo (SP), foi abandonado pelo motorista depois de bater em uma cerca (Foto: PRF / Divulgação)
Um dos veículos, com placas de São Paulo (SP), foi abandonado pelo motorista depois de bater em uma cerca (Foto: PRF / Divulgação)

Policiais Rodoviários Federais (PRF) apreenderam na madrugada desta segunda-feira (6) cerca de três mil pacotes de cigarros contrabandeados do Paraguai. O flagrante foi feito na BR-163, próximo a Realeza, no sudoeste do Paraná, logo depois de os motoristas de dois veículos – um com placas de São Paulo (SP) e outro de Ponta Porã (MS) – desobedecerem à ordem para parar na barreira montada na rodovia.

Na tentativa de escapar, o motorista de um dos veículos avançou sobre uma área de plantação e só parou depois de bater em uma cerca, abandonando o automóvel com os cigarros. O outro foi encontrado a cerca de um quilômetro do local também abandonado depois de colidir. Apesar das buscas pela região, nenhum dos condutores foi identificado ou encontrado. A carga ilegal e os carros foram encaminhados para a delegacia da Receita Federal em Capanema.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Lago de Itaipu
Na fronteira com o Paraguai, a Polícia Federal (PF) tirou de circulação no fim de semana cerca de 1.450 caixas de cigarros contrabandeados avaliadas em R$ 435 mil. Uma das apreensões foi feita em Itaipulândia, no oeste, onde os agentes encontraram 850 caixas do produto de venda proibida no Brasil escondidas às margens do Lago de Itaipu. Já em Santa Helena, uma embarcação foi flagrada transportando outras cerca de 600 caixas de cigarros trazidos ilegalmente do Paraguai. No barco havia ainda pneus e munição. Um jovem de 19 anos foi preso.

Jovem de 19 anos que pilotava a embarcação pelo Lago de Itaipu, próximo a Santa Helena (PR), foi preso em flagrante (Foto: PF / Divulgação)
Jovem de 19 anos que pilotava a embarcação pelo Lago de Itaipu, próximo a Santa Helena (PR), foi preso em flagrante (Foto: PF / Divulgação)

Fonte: G1