ad

[dropcap color=”#eeee22″]A[/dropcap]s Secretaria Municipal de Educação, por intermédio da equipe de Educação Especial, promoveu um curso de capacitação com objetivo de descrever os indicativos apresentados por alunos com altas habilidades(superdotação). O trabalho foi destinado para a rede de Educação Estadual, Municipal, Privado e Escola na modalidade de Educação Especial. “Acreditamos que somente alcançado todos os representantes da educação do município faremos uma educação inclusiva de qualidade. Nosso projeto, intitulado Educação Inclusiva, juntos somos mais” leva este olhar transdisciplinar, vislumbrando a importância das parcerias entre as instituições de ensino. Abordar o tema altas habilidades nos leva a olhar o educando além de suas deficiências, buscando promover as percepções e as melhores estratégias a esse público alvo”, explicou a coordenadora da Educação Especial, Elianara Falci.

Franciele Danelon, secretária de Educação, também enalteceu a iniciativa. “Nos preocupamos em cuidar e assistir todos os alunos dentro de suas peculiaridades acadêmicas/sociais. Avaliar o educando com altas habilidades é de certo modo predestinar os rumos da sociedade futura, com indivíduos que faram a diferença em nossa sociedade”, disse.

Esteve à frente deste trabalho a professora Maria Valdeny, especialista na área de avaliações e intervenções de alunos com altas habilidades de Cascavel.

Neste mesmo dia, foi realizada a primeira avaliação para com uma aluna com indicativos de altas habilidades. A garota está matriculada na Escola Municipal Erik Andersen.

Portal Guaíra via Assessoria


CLINICA SALUTAR