Foto: Diario Vanguardia
ad

[dropcap color=”#dd3333″]A[/dropcap] Polícia Nacional do Departamento de Alto Paraná, no Paraguai, recebeu nesta semana duas metralhadoras MK43 calibre 7.62, arma de fabricação americana capaz de disparar 600 tiros por minuto.

O equipamento foi recebido pelas autoridades na sede da Chefatura de Polícia de Ciudad del Este. As armas vão ajudar a elevar o poder de fogo da polícia em possível encontro com grupos do PCC.

O diretor de Apoio Tático da Polícia Nacional, comissário Enrique Isasi, disse que agentes do GEO (Grupo Especial de Operações) de Ciudad del Este foram treinados nas instalações da FOPE (Força de Operações Policiais) de Assunção para manejar a metralhadora MK43.

Segundo o jornal Diario Vanguardia, a alta cúpula policial decidiu reforçar os agentes da Polícia do Alto Paraná, depois de ter recebido informações da Polícia Federal do Brasil sobre a provável presença de integrantes do PCC na região paraguaia. A informação dava conta de que outro grande golpe estaria sendo organizado.

Portal Guaíra com informações do Diario Vanguardia


CLINICA SALUTAR