ad


O corpo do agente penitenciário federal que cometeu suicídio na penitenciária de segurança máxima, em Catanduvas, foi encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal) de Cascavel no início da manhã de segunda-feira (23).

O agente tem aproximadamente 30 anos. Por volta das 2h20 ele efetuou um tiro na boca e morreu na hora. A família dele é de Marília (SP).

A Polícia Federal acompanha o caso por se tratar de morte de um servidor público federal em horário de serviço.

IML de Cascavel (imagem: reprodução CGN)

Fonte: CGN


CLINICA SALUTAR