ad

[dropcap color=”#dd3333″]U[/dropcap]m homem de 21 anos foi preso na tarde de sexta-feira (13), acusado de tentar estuprar uma criança de 10 anos, sua enteada em Campo Mourão.

Segundo informações, o acusado teria pedido a esposa que fosse a casa de sua mãe buscar água gelada. Ao retornar, a mulher teria se intrigado com o silêncio na casa e resolveu abrir o portão sem fazer barulho.

Segundo ela, quando entrou no quarto, viu o rapaz e a menina com as calças abaixadas. Nesse momento, ela avançou no padrasto da menina. Ele, em princípio pedia desculpas e pedia para que a esposa não chamasse a Polícia, e pegou uma faca para ameaça-la.

Até o momento não foi confirmado se o ato sexual foi consumado. Porém, ao conversar com a menina, após o flagrante, ela teria dito que os abusos aconteciam desde o nascimento da filha do casal, que tem dois anos de idade. E que para a criança, o acusado teria dito que se contasse à mãe sobre os abusos, ficaria sem a irmã.

O homem foi encaminhado à 16ª Subdivisão Policial, onde ficara à disposição da Justiça.

A Polícia apurou que o suspeito responde pelo estupro de outra enteada, de 12 anos, ocorrido em Maringá em 2014.

Portal Guaíra com informações do Massa News


CLINICA SALUTAR