ad

[dropcap color=”#81d742″]O[/dropcap] movimento Vem Pra Rua convoca a sociedade civil para um panelaço, na quarta-feira, 25/10, às 21 horas, a fim de expressar sua insatisfação com a mudança de opinião de alguns magistrados com relação à possível decisão do Supremo, de voltar atrás no parecer relativo à prisão em segunda instância.

O ato também tem como objetivo pressionar a decisão sobre o fim do foro privilegiado, que aceleraria o processo judicial de políticos envolvidos em crimes de corrupção. O STF decidiu, em outubro de 2016, que os réus condenados pela Justiça em segunda instância seriam presos, e responderiam por seus crimes na cadeia. Mas nos últimos meses, alguns magistrados têm se mostrado contrários à decisão tomada no ano passado, o que pode fazer com que réus possam voltar a recorrer em liberdade, em processos que podem se arrastar indefinidamente.

Já a votação sobre o foro privilegiado teve início em junho deste ano e até agora possui quatro dos seis votos necessários para que o benefício seja extinto. No entanto, o ministro Alexandre de Moraes pediu vistas do processo, atrasando a decisão do Supremo. O processo já foi devolvido e está nas mãos da presidente Cármen Lúcia colocar em votação.

Após as últimas decisões do Senado, na semana passada, é fundamental que a sociedade civil organizada se una para pressionar os Ministros para as próximas votações.

Movimento Vem Pra Rua
O Vem Pra Rua é a favor da democracia, da ética na política e de um Estado eficiente e desinchado. É contra qualquer tipo de violência, condena todos os tipos de extremismo (separatismo, intervenção militar, golpe de Estado), e não compactua com governos autoritários. Não está associado nem é patrocinado por nenhum partido político e trabalha por um Brasil ético, justo, próspero e com oportunidades iguais para todos.

Portal Guaíra com informações do Bem Paraná


CLINICA SALUTAR